Lateral do Botafogo lamenta derrota e prioriza mudanças: ‘Sentimento de raiva’

  • por
Rio – A derrota do Botafogo por 4 a 0 para o Palmeiras, na última quinta-feira, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro, frustrou não só a torcida, mas também o elenco. Após a partida, Daniel Borges lamentou o resultado e priorizou mudança para o Alvinegro na sequência desta temporada. O lateral-direito, de 29 anos, avaliou que esse foi o pior jogo da equipe desde a chegada do técnico Luís Castro.
“O torcedor vai ficar triste, bravo, não sei qual sentimento que vai ter. O sentimento que eu tenho é de raiva, de tristeza da derrota como foi. Mas temos que manter a cabeça fria, concentrar naquilo que a gente vem fazendo no dia a dia. Até porque se a gente deixar o externo entrar para dentro do grupo vai dificultar muito na sequência da competição”, disse Daniel Borges.
“Não podemos repetir o início de jogo que tivemos. Com 18 minutos já estava 2 a 0. Sabíamos que seria um jogo difícil e que o Palmeiras pressionava muito no início da partida, mas não ocupamos os espaços que deveríamos. Acabamos também tomando o gol de bola parada, o que dificultou para o restante da partida. Mas não podemos nos entregar. Temos que manter a cabeça erguida. Não é porque perdemos o jogo que o campeonato acabou, não, tem muitas rodadas pela frente ainda. É botar a cabeça no lugar, concentrar, porque a próxima rodada está aí e precisamos pontuar em casa”, completou.
Na próxima segunda-feira, o Botafogo enfrenta o Avaí, às 19h, no Nilton Santos, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Alvinegro ocupa a 15ª colocação e soma 12 pontos, um a mais que o Cuiabá, primeiro colocado da zona de rebaixamento.

Jogador, de 29 anos, garante que o Alvinegro vai trabalhar para não repetir o desempenho da derrota por 4 a 0 para o Palmeiras, na última quinta-feira, pelo Campeonato Brasileiro

Deixe um comentário