Pular para o conteúdo

Botafogo sofre goleada para o Palmeiras e vive primeira crise na ‘era Luís Castro’

  • por
Em noite de um Botafogo irreconhecível, Luís Castro viu os seus jogadores terem uma atuação pífia e perderem para o Palmeiras por 4 a 0, com gols de Wesley, Rony, duas vezes, e Scarpa, em duelo válido pela décima rodada do Brasileirão. Com isso, o treinador português vive a primeira grande crise no time carioca e não vence há quatro jogos.
O Palmeiras teve um primeiro tempo avassalador, punindo o Botafogo por marcar alto e deixar espaços para nomes como Dudu e Rony explorarem. Logo aos cinco minutos, porém, o gol veio na bola aérea – Scarpa cruzou, e Murilo cabeceou para as redes. A bola, porém, desviou em Luan, que estava impedido, e o lance foi anulado pelo VAR. Ainda assim, o Verdão manteve sua intensidade e deixou o rival atordoado: em jogadas rápidas, o time de Abel Ferreira abriu o placar com Rony, aos 10, e ampliou com Gustavo Scarpa, aos 17, sozinho na área após cruzamento de Piquerez. O Palmeiras continuou dominando e só não goleou porque parou no goleiro Gatito Fernández – e também na trave, em chute de Dudu. Na bola aérea, o time puniu novamente o Botafogo com Rony, de cabeça, abrindo 3 a 0 com pouco mais de 30 minutos.
Para o segundo tempo, Luís Castro fez mudanças: tirou Tchê Tchê e Oyama e colocou Kayque e Del Piage, respetivamente. As alterações melhoraram o meio de campo do Botafogo na segunda etapa, mas não o suficiente para fazer o Alvinegro levar perigo, de fato, ao gol do Palmeiras. Pelo contrário, foi Verdão que quem mais chegou perto de fazer o quarto do que o time carioca o primeiro.
Aos 17, Rafael Navarro desceu em velocidade pela direita, foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para Rony, que dividiu com Daniel Borges e ganhou escanteio. Aos 19, teve gol do Palmeiras, mas não valeu. Rafael Navarro recebeu de Dudu, invadiu a área e tocou na saída de Gatito. O assistente marcou impedimento do atacante palmeirense.
Aos 22, o Botafogo foi o último lance de perigo do Botafogo no jogo. Hugo cobrou falta na segunda trave, Saraiva fez o desvio e obrigou Weverton a fazer grande defesa. Bola ainda tocou no travessão antes de Rony afastar de bicicleta.
Mas, aos 41 minutos, o Palmeiras fechou o caixão. Wesley recebeu na esquerda, pedalou em cima de Daniel Borges, ajeita e solta uma bomba. A bola vai no ângulo e ainda bate na trave antes de entrar. Um golaço do Palmeiras.
Com o resultado negativo, o Botafogo vive a primeira grande crise sob o comando de Luís Castro. O português não consegue as vitórias, e o desempenho da equipe também caiu de rendimento.
O próximo duelo do Botafogo é com o Avaí na próxima segunda-feira, no Nilton Santos, às 19h, pela 11ª rodada do Brasileirão. Com 12 pontos, o Alvinegro está na 14ª posição do torneio.
 
 

Alvinegro perdeu de 4 a 0 para o Verdão, com uma atuação pífia dos jogadores

Deixe um comentário

Generated by Feedzy