Promessa do Vasco teria multa baixa para equipes do futebol brasileiro

  • por
Rio – O meia Andrey Santos, de 18 anos, vem atraindo os olhares de clubes importantes do futebol europeu, entre eles o Barcelona. Na tentativa de se proteger do assédio, o Vasco vem negociando um novo contrato com o jovem. No entanto, o perigo de uma transferência do atleta pode não estar apenas no mercado internacional, mas no próprio futebol brasileiro.
De acordo com informações do jornalista Jorge Nicola, o atual contrato de Andrey permite que uma proposta de R$ 14 milhões de clubes do Brasil seja o suficiente para pagar a multa do jovem. Com isso, o Vasco se apressa para evitar uma situação semelhante a de Vitor Roque, que deixou o Cruzeiro para defender o Athletico-PR. 
Considerado uma grande promessa da Raposa, o jovem acabou deixando o clube mineiro por apenas R$ 24 milhões. Andrey Santos tem contrato somente até agosto do ano que vem. Caso não renove, ele poderá assinar um pré-contrato em fevereiro de 2023 e deixar o Vasco de graça.
O meia se profissionalizou nesta temporada. Ao todo, ele já entrou em campo em 12 partidas e fez um gol. A qualidade de Andrey foi reforçada pelo técnico Mauricio Souza. “O Andrey é um jogador sem dúvida nenhuma muito diferente. É um garoto que tem esse tipo de coragem, a gente dá essa liberdade a ele, de perceber qual o melhor momento para executar a saída de bola, se é para conduzir no meio de dois ou achar um passe de lado. Jogador de personalidade incrível, de qualidade técnica absurda e um cognitivo muito apurado”, disse.

Cruzmaltino vem recebendo assédio e tenta renovar com meia

Deixe um comentário