Atlético-MG pede segurança reforçada para confronto contra o Flamengo, pela Copa do Brasil

Read Time:1 Minute, 18 Second
Depois de entrar com um pedido no STJD para tentar punir Gabigol pela entrevista em que disse “quando eles forem para lá (Maracanã) vão conhecer o que é pressão e o que é inferno”, o Atlético-MG agora enviou um ofício à CBF, Ministério Público e Flamengo pedindo segurança reforçada para a partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, dia 13 de julho. A informação é da Rádio Itatiaia.
O Galo anexou no pedido mensagens com ameaças de torcedores do Flamengo nas redes sociais “indicando que a torcida atleticana será recebida com grande violência, no dia do evento”. O pedido de segurança reforçada foi para atleticanos, jogadores e comissão técnica.
Na semana passada, o Atlético-MG apresentou uma notícia de infração contra Gabigol, alegando que a palavra ‘inferno’ poderia acirrar os ânimos e criar um clima hostil para o duelo de volta, no dia 13 de julho no Maracanã.
Na partida de ida, no Mineirão, torcedores do Flamengo postaram vídeos nas redes sociais de força excessiva utilizada pela polícia mineira e também de músicas e ações ofensivas por parte do Atlético-MG contra os rubro-negros. O clube mineiro não se posicionou sobre essas situações em Belo Horizonte.
O Flamengo perdeu fora de casa por 2 a 1 e precisa vencer no Maracanã por dois gols de diferença para se classificar para as quartas de final. Em caso de vitória rubro-negra por um gol de diferença, a vaga será definida nos pênaltis.

Galo alega que postagens de rubro-negros indicam chance de grande violência no Rio

About Post Author

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe um comentário

Previous post Zagueiro do Flamengo recusa clube da Série A e espera oferta de time europeu
Next post Mauricio Souza minimiza deixar Vasco com seu perfil e prioriza retorno para a Série A
Generated by Feedzy